que lá pelos anos 50 e pouco, eu vinha pela ladeira de São Francisco, em João Pessoa, Paraíba, mais ou menos às 23 horas… Quando já estava no meio da ladeira, vi subindo a mesma dois homens altamente embriagados e cada qual tinha uma peixeira enorme que reluzia pela luz da Lua.

O pior é que dias antes bem perto do local, havia acontecido um assassinato. Como estava no meio da ladeira não tinha como voltar e tive que ir em frente, ai escutei um deles dizer “a primeira pessoa que passar por aqui nos matamos”.

Entreguei minha vida ao Senhor e peguei dois paralelepipedos, coloquei os braços para tras e passei no meios dos dois. Quando cheguei na esquina, dei uma tremenda carreira e em minutos cheguei em minha casa, são e salvo. Acredito que foi o meu anjo da guarda que me protegeu.

Autor: Jeronimo G. de Andrade, 63 anos, de sua casa, na Ponta da Praia, Santos – SP.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *