que, quando cheguei da guarda mirim, não me deu vontade de ir para rua como era de costume. Fui até a geladeira, peguei uma maçã e comecei a comer, até quando surgiu do nada a minha tia desesperada gritando por socorro!

A casa dela tinha pegado fogo, desci as escadas como louco, correndo, meu primo de apenas 3 anos, com a sua irmã de 2 anos, estavam lá dentro! Não pensei duas vezes: entrei, não tinha nem como andar, tive que andar de quatro, rastejando, procurando eles como louco, até chegar na cama onde eles estavam abraçados.

Puxei um pela perna e levei para fora; a pele já estava quente, fora do normal! Me joguei dentro do balde de água e voltei para pegar a menina. Enfim, foi um um dia que nunca vou esquecer…

Autor: Alexandre Alves Ferreira, 20 anos, do Posto do AcessaSP, do Jardim Guarujá, São Paulo – SP.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *