Música do dia – ´Sound and Vision´ – David Bowie

Oi, tudo bem?

Queria te fazer uma pergunta antes de começarmos. Por acaso você, algumas vezes, não se pergunta sobre som e imagem? Acho que deveria…

;)

O que você tem à ver com ´A Catedral e o Bazar´

Quem lida muito com internet no nível de programação, já leu um texto chamado ´A Catedral e o Bazar´. Esse texto foi escrito por Eric S. Raymond, um dos papas do software livre. Mas eu me propus à tocar nesse assunto porque, quando entrei no LIDEC, recebi da minha companheira Sílvia ´Binha´ um pacote com alguns textos mais específicos sobre a internet. Um deles era ´A Catedral…´.

O texto tem 18 páginas no total, mas eu demorei quase uma semana para ler. Levando-se em consideração que da minha casa até a USP eu gasto 2 horas para ir e mais duas horas para voltar, demorei 20 horas para percorrer todo o texto. E confesso que quase desisti.

Eu até entendo o pessoal mais radical e que absorveu o conteúdo dessas páginas em 10 minutos, mas para nós que somos simples internautas, fica meio difícil entender o que o autor quer dizer com termos como nethack, fetchpop, sccs.el ou ainda o que teria sido um front-end para o kernel do Linux. É claro que ninguém é obrigado a ler todo aquele material e entender. Mas também é necessário reconhecer a importância da reflexão feita ao longo de ´A Catedral e o Bazar´. Por isso, entendo que é interessante destacar alguns pontos que fazem todo o sentido para o dia a dia de quem frequenta e/ou trabalha com internet:

1. ´Libere cedo e frequentemente, delegue tudo que você possa, esteja aberto ao ponto da promiscuidade´

Esta frase é de Linus Torvalds, pai do sistema Linux e que Eric utiliza como definição do estilo Linus (sem o x mesmo) de desenvolvimento. A base do software livre está aí, na minha opinião.

2. Linus Torvalds, por exemplo, não tentou realmente escrever o Linux do nada. Ao contrário, ele começou reusando código e idéias do Minix, um pequeno sistema operacional Unix-like para máquinas (leia-se computadores) 386.

Ou seja, porque sempre estamos querendo reinventar a roda se ela já está criada e nós podemos desenvolver algo que faça com que essa roda nos leve à algum lugar. Todos os dias vivemso fazendo isso em todos os setores de nossas vidas. Principalmente na internet.

3. Tratar seus usuários como co-desenvolvedores é seu caminho mais fácil para uma melhora do código e depurtação eficaz.´

Porque quando criamos algo queremos ser proprietários, à ponto de não querermos que as pessoas que usuarão o que criamos, podem tornar aquilo algo mais desenvolvido? Pense nisso: libere cedo, libere frequentemente.´

Claro que eu peguei apenas alguns pontos para se começar a entender o que o autor quer dizer. O texto não é fácil, mas vale a pena investir um tempo nele e entender o que ele quer dizer. Existem vários fóruns na internet para pessoas que, como eu e você, queremos entender um pouco mais sobre ´onde estamos metidos´.

Oque? Você quer saber porque o texto tem o nome ´A Catedral e o Bazar´? Ah, lógico que eu não vou contar, se não tira toda a graça de ler.

:)

Mais sobre Eric S. Raymond aqui

O texto dividido em capítulos você encontra aqui

Livro para o fim de semana

Quarta-feira passada comprei por R$ 5,00 na USP ´O Bit e o Pêndulo – A Nova Física da Informação´ de Tom Siegfried, um livro que descomplica a física e a computação quântica. O mais interessante do livro é justamente a linguagem descomplicada e divertida que o autor, um jornalista nore-americanos usa para falar de coisas aparentemente complicadas e o quanto as pessoas entendidas desses assuntos lutam para que essas coisas permaneçam complicadas para nós.

Prova disso é que o livro tem umas duzentas páginas mais ou menos e eu terminei de ler agora de manhã, antes de ir à feira. O livro é bem divertido e eu recomendo. Procure na biblioteca do seu bairro.

:0)

Você sabe o que é um Gnu???

Peraí, não é justo falar tão rápido sobre um dos animais mais importantes da história da internet, o Gnu. Semana que vem eu falo mais dele.

Tenho que ir…

A conversa está ótima mas eu preciso ir andando, é sério. Fico devendo um post sobre a cultura de blog. Volto só na terça-feira com tudo isso e muito mais.

Como se diz lá em Araçatuba: ´Inté mais veiz´

:)

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *