que toda vez que chega o Natal, vem aquela lembrança da infâcia…
Tinha entre 7 e 8 anos, morava na roça meu pai homem que trabalhava muito, condições para comprar presentes não tinha.

Escutando histórias de colegas na escola desse tal papai noel que se dizia o bom velhinho e se comportando bem ele trazia presentes entrando pela chaminé. Custei a perceber que tudo isso era mentira pois na chaminé da minha casa ele nunca iria entrar mesmo, vivia saindo fumaça pela lenha que queimava para aquecer as pamelas.

E isso provocava uma coisa esse tal velhinho não ia passar por ela.
Passando alguns anos adquiri raiva do dia de natal e que seguem ate hoje, talvez um dia ele se lembre de mim. Será?????

Autor:Carlos Roberto Ramos, 32 anos, do posto Acessa de Areias

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *