de quando era criança, com uns 7 ou 8 anos, e a vizinha pedia para ir na padaria comprar pães ou alguma outra coisa, e eu sem pestanejar ia correndo, na mesma hora…

Me lembro quando o pai de algum amiguinho pidia para nós dois lavarmos seu carro, a gente ia correndo, parava qualquer brincadeira…

Quando minha mãe pedia para ir na mesma padaria que aquela vizinha pedia, para comprar pão para mim mesmo comer, éra aquele sofrimento, não ia, e quando ia minha mãe tinha que dar algo em troca (doce por exemplo) e ainda ia resmungando, (mas lembre-se) quando eu “IA”…

Lembro também quando meu pai pedia o mesmo favor do vizinho (lavar seu carro), ou mesmo uma tarefa menor, como buscar um jornal na banca ao lado de casa, éra uma tarefa árdua para meu pai, que reclamava, reclamava… quem me tirava da frente do Vídeo-game???

Hoje meus pais não estão mais aqui conosco, sei que isso que fiz não foi pecado nenhum, pois éra criança…

Resumindo, o tempo se passou, vizinhos se mudaram, nem sabe se existo, e meus pais sim, esses me tem amor A ONDE QUER QUE ELES ESTEJAM!!!

felicidade a todos e um ÓTIMO 2007

Autor: João Carlos Marinho, 36 anos

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *