(23/03/07 – Estadão) Ainda que os bate-papos virtuais muitas vezes não tragam nada de comprometedor, ninguém gostaria de ver as suas conversas devassadas por estranhos.

Só que os mensageiros instantâneos conseguem gravar tudo (seu login, sua senha e seus chats) se forem configurados para isso. Qualquer deslize e um engraçadinho ficará feliz da vida ao se passar por você e xingar todos os seus amigos online – um bandido virtual pode fazer coisa muito mais séria.

Para evitar dor-de-cabeça, o primeiro cuidado que você deve tomar num computador público é não deixar que o programa grave o seu login e a sua senha.

No Windows Live Messenger (última versão do MSN Messenger), você evita o problema deixando vazias as caixinhas “Lembrar-me”, “Lembrar minha Senha” e “Entrar automaticamente”. Se por acaso você se conectar sem desativar os quadrinhos, é só entrar no menu “Arquivo”, clicar em “Sair” e, depois, em “Esquecer-me”.

Em versões mais antigas do MSN, como a 7.0, evite selecionar a caixinha “Conecte-me automaticamente”. Isso grava o seu login e a sua senha. Mesmo que você não clique ali, o seu login será armazenado de qualquer jeito – e como se trata do seu endereço de e-mail, vira um prato cheio para spammers.

Por isso, clique no menu “Ferramentas” e, em seguida, em “Opções”. Na área “Contas e Senhas do Usuário”, aperte “Alterar”. Selecione o seu endereço de login e dê “Remover”.

Não deixe também que o mensageiro instantâneo registre as suas conversas virtuais. Geralmente, quando você usa um desses softwares pela primeira vez, em um determinado momento o programa perguntará se você quer gravar os chats.

Diga sempre que “Não”, para evitar que a transcrição do bate-papo fique gravada na pasta “Meus Documentos”.

É extremamente importante também que você não se esqueça, de jeito nenhum, de se desconectar do mensageiro instantâneo antes de o tempo contratado acabar. Quando faltarem alguns minutos, procure o ícone do software no canto inferior direito da tela, clique sobre ele com o botão direito do mouse e aperte “Sair” ou “Logout” – o nome varia de acordo com o programa.

Do Link Estadão

Compartilhe!
Tagged with:  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *