Olá, pessoal!

Meu nome é Marina, e eu trabalho com a Tíssia, que escreveu o post anterior dando dicas de como usar o pen-drive e aproveitar por mais tempo a sua utilidade…

Bom, vi nos comentários sobre o post que o pessoal tem um bocado de dúvida sobre o que é, no fim das contas, esse tal de pen-drive. Então, resolvi fazer um post no melhor estilo “Como funciona…?”. Afinal de contas, ninguém nasceu sabendo tudo, né não? ;)

Pendrive; foto de Ambuj Saxena; Creative Commons

Há vários modelos disponíveis, não só em questão de cores ou de desenhos mais bonitinhos, mas em relação ao tamanho da memória disponível para você guardar seus arquivos. Tem de 256 megabytes até 1gigabyte, ou mais – o que acaba interferindo no preço também.

“Ah, então é o mesmo esquema do disquete?”, alguém poderia perguntar. Bem, a idéia é a mesma: você ter um dispositivo portátil de armazenamento de arquivos. Assim, mesmo se você usar computadores públicos (como no Acessa) ou de um amigo, pode manter seus arquivos com você. Mas, num disquete, o máximo de espaço que tem disponível são 1.44 megabytes…

Bão, espero ter ajudado em alguma coisa! :) E reforço o convite da Tíssia para que vocês confiram o Manual de Uso do AcessaLivre 1.5 para solucionar dúvidas, desta vez de uso dos pen-drives!

Abraços!

Marina

P.S.: Aliás, o pendrive já foi até incorporado ao bom e velho canivete suíço… Ê, mundo moderno…

Canivete com pendrive; foto de brykmantra; Creative Commons

Imagens: Ambuj Saxena (pendrive); brykmantra (canivete). Licença de uso Creative Commons

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *