Logo que foram criados e disponibilizados para os internautas, os blogs eram muito utilizados como diários pessoais, espaços para o internauta falar de si mesmo, de sua vida pessoal. Mas aquele era apenas o princípio! Hoje, os blogs não são mais bricadeira, e isso tem muito a ver com as características dele.

Algumas das principais características dos blogs são:

1- facilidade para se cadastrar no serviço (são gratuitos e basta uma conta de e-mail para começar);
2- facilidade para utilizar, escrever e editar o conteúdo;
3- facilidade para personalizar a aparência (os usuários podem escolher layouts e templates prontos);
4- ambiente que proporciona interação por meio dos comentários;
5- espaço para colaboração, pois os visitantes deixam comentários e, muitas vezes, suas experiências.

Apenas por essas características, os blogs são considerados ferramentas com grande potencial de construção e comunicação.

Ao se darem conta disso e acompanhando o movimento colaborativo da web, os internautas que precisam de uma página simples e que motive a participação, estão inclinados a dotá-los para compartilhar informações de temas sérios e divulgar trabalhos e idéias.

Recentemente, o Yahoo! divulgou um artigo sobre blogs na área de tutoriais do portal, no qual falam justamente sobre essa questão e abordam o porquê de os blogs não serem mais brincadeira.

?Não se sabe exatamente quando os blogs deixaram de ser considerados ‘mais uma futilidade dos tempos modernos’ para serem uma eficiente ferramenta de informação. Não há registro da data exata de quando esses diários pessoais surgiram, mas especula-se que o primeiro endereço na Internet com conteúdo similar aos webblogs que conhecemos hoje apareceu em 1983. Essa página não era uma versão online do diário de seu criador, Brian E. Redman, mas sim um espaço na rede para ele, juntamente com outros amigos, postarem links que levavam a outros sites?, diz o artigo.

O leitor conta com um histórico rápido e bem construído sobre a trajetória dos blogs na internet, desde o primeiro endereço similar, em 1983, até o ano de 2006, citando acontecimentos nos Estados Unidos e no Sudão, conforme trecho abaixo.

?Em 2006, autoridades do Sudão expulsaram três membros da ONU (Organização das Nações Unidas) que estavam em missão oficial ao país porque um deles criticou o governo local e grupos rebeldes em seu seu blog. Jan Pronk era o principal comandante da missão em cargo e recebeu um prazo de três dia para deixar o país.

Já no Ocidente rico e desenvolvido, um dos economistas de mais alto cargo do FMI (Fundo Monetário Internacional) – Simon Johnson, responsável pelo departamento de pesquisas – acaba de lançar um blog em que pretende escrever sobre economia global, principalmente para pessoas que ‘não estão presentes em coletivas de imprensa’.

O lançamento da página virtual surgiu para aproveitar um acontecimento do ciclo de conferências do FMI e do Banco Mundial em Washington. Johnson pretende usar o espaço para receber perguntas e comentários sobre o evento. Ele deixa evidente que jornalistas são bem-vindos, mas o foco principal do blog é conversar diretamente com pessoas que estão no dia-a-dia das reuniões. Johnson não exclui a possibilidade de postar sobre as outras atividades do FMI. Os comentários enviados pelos leitores são selecionados antes da publicação”.

É pessoal… Blogs não são mais brincadeira mesmo!

Para ler o artigo na íntegra (vale a pena), acesse o link do Yahoo!
http://br.tecnologia.yahoo.com/071019/54/gjg680.html

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *