Site da Assembléia Legislativa de São Paulo disponibiliza dados de todos os deputados e sobre a casa

Junto com a possibilidade de comunicação e diversão, a internet também pode trazer a Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo mais para perto dos cidadãos que ela representa, por meio do www.al.sp.gov.br.

Portal da Assembléia LegislativaNo ar desde março de 2005, o Portal da ALESP disponibiliza on-line dados de todos os deputados em atuação na legislatura atual, desde seus nomes completos, e-mail e telefone do gabinete, até as datas de aniversário. É possível ver quais os projetos que eles apresentaram, a prestação de contas e as comissões das quais são membros.

Por meio do portal, o cidadão pode ainda compreender melhor como está organizada a Assembléia – entre comissões, gabinetes e mesas diretoras -, por meio de um organograma. O funcionamento e as atribuições da Assembléia são explicados por meio de um texto com exemplos, que conta também histórias de projetos de lei polêmicos que já passaram pela casa, como a lei do rodízio de carros e a privatização do Banespa.

Para quem quiser entender mais a fundo como é o processo de redação e aprovação de leis, pode passar pela seção “Processo Legislativo”, que disponibiliza as regras para isso. Nessa seção, também é possível consultar leis ou acompanhar o andamento de projetos de leis, por meio de um sistema de busca.

A atualização de todos esses conteúdos é feita em conjunto pelos diversos departamentos e comissões da Assembléia, de acordo com Tania Mendes, coordenadora do Comitê do Portal da ALESP.”O Portal da ALESP trabalha de forma compartilhada e distribuída. Pressupõe, assim, que todos os funcionários podem ser alimentadores e atualizadores de conteúdos”, diz ela.

Desse modo, as atas das sessões plenárias ficam por conta da Divisão Técnica de Taquigrafia, os documentos disponíveis para consulta estão sob responsabilidade do Departamento de Documentação e Informação, assim por diante.

O site é ainda integrado aos demais sistemas eletrônicos da ALESP, de modo que algumas seções são atualizados conforme os dados são inseridos no respectivo sistema. “Assim, quando um Deputado elabora um Projeto de lei, por exemplo, através do Sistema do Processo Legislativo-SPL, ele estará disponível no Portal assim que for apresentado via sistema.”, explica Tania Mendes.

Para 2008, Tania diz que os planos para o Portal envolvem a ampliação da interação com o público, por meio da implementação de comunidades virtuais (que dependem da criação de um sistema de cadastro no Portal”. Por hora, segundo ela, já está desenvolvido um Fórum de Debates, cuja implantação depende de aspectos técnicos.

Então, se você está longe da Assembléia, onde atuam os seus representantes eleitos, mas quer acompanhar e entender melhor o que é feito por eles, a rede mundial se encarrega de aproximá-lo de lá!

Por Marina Iemini Atoji, da Equipe de Internet e Comunicação do Lidec

Compartilhe!
Tagged with:  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *