Somadas, as unidades terão capacidade para fazer 18 mil atendimentos à população por mês

São Paulo terá mais 120 postos do Acessa SP. O anúncio foi feito pelo governador José Serra nesta quinta-feira, 24, em Duartina, interior do Estado, durante inauguração de 12 unidades que entram em operação nas regiões de Marília e Assis. Ele aproveitou a ocasião para afirmar que ampliará em 50% a oferta de serviços no Poupatempo.

“Criamos 50 postos em nosso primeiro ano de governo, e queremos cobrir todo o Estado. É uma iniciativa importante no sentido da inclusão digital”, observou o governador.

Na região de Bauru, o AcessaSP começa a funcionar em Pongaí, Cabrália Paulista e Avaí. Já a região de Marília ganha novos postos em Álvaro de Carvalho, Arco-Íris, Fernão, Lupércio, Queiroz, Maracaí, Pedrinhas Paulista, Platina e Tarumã.

O Estado investiu R$ 252 mil na implantação dos novos postos do programa de inclusão digital, vinculado à Secretaria de Gestão Pública e gerido pela Prodesp (Companhia de Processamento de Dados do Estado). O montante foi gasto na compra de equipamentos (computadores e impressoras), mobiliário e instalação de links de banda larga para acesso gratuito à internet.

Somadas, as unidades terão capacidade para fazer 18 mil atendimentos à população por mês. O programa é realizado em parceria com as prefeituras, responsáveis pelo custeio, que inclui o pagamento dos monitores, manutenção dos prédios, aluguel e suprimentos.

O Acessa São Paulo oferece acesso às novas tecnologias da informação e comunicação, em especial à internet, contribuindo para o desenvolvimento social, cultural, intelectual e econômico dos cidadãos. O atendimento é gratuito, e cada usuário tem direito a 30 minutos de navegação por acesso. Para utilizá-lo é preciso apresentar o RG, e menores de 11 anos devem estar acompanhados dos responsáveis.

O secretário de Gestão Pública, Sidney Beraldo, ressalta a importância dos investimentos. “A iniciativa do governo paulista abre as portas para um novo universo aos jovens de origem humilde, que teriam dificuldades de participar do mundo das novas tecnologias. Este é um programa de inclusão digital e, principalmente, de democratização do conhecimento e das oportunidades”.

Há 404 postos em funcionamento em 353 municípios, cobrindo 55% das cidades do Estado, com 3.936 computadores e 720 monitores. Com 1,2 milhão de usuários cadastrados desde o ano de 2000, quando foi lançado, o programa já realizou 28 milhões de atendimentos.

De acordo com os resultados da pesquisa Ponline 2006, realizada junto a oito mil usuários do programa, o principal público atendido pelo Acessa é o jovem de baixa renda. Mais da metade dos freqüentadores, 59%, têm entre 15 e 24 anos, e 68% deles apresentam renda entre 1 e 4 salários mínimos.

Nessa pesquisa os internautas também foram convidados a avaliar o impacto do uso da internet em suas vidas. Para 83% dos entrevistados, a internet facilitou o aprendizado. A pesquisa revelou ainda que 83,9% se consideram melhor informado sobre as notícias do país, e 59% dizem ter conseguido novas oportunidades de trabalho com o uso da internet.

Ainda segundo a pesquisa, 82% dos usuários enviam e recebem e-mails; 45,8% lêem notícias em jornais e revistas; 43,4% freqüentam salas de bate-papo; 35% buscam oportunidades de trabalho. Além disso, 46% afirmam já ter utilizado serviços de governo eletrônico.

Cleber Mata com Secretaria de Gestão Pública

Compartilhe!
Tagged with:  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *