Site passará a oferecer novos recursos, desenvolvido por programadores externos, como o Facebook

Ainda em fevereiro, o site de relacionamentos Orkut passará a oferecer para seus usuários milhares de aplicativos criados por desenvolvedores autônomos que fazem parte do projeto OpenSocial. A informação foi divulgada no blog do Google, que é dono da rede social. Essa plataforma para o desenvolvimento de ferramentas, anunciada no final de 2007, foi adotada por diversos sites de relacionamento, como Orkut, MySpace, LinkedIn, hi5, Friendster e Plaxo.

Com a estréia desses aplicativos (ou “widgets”) no Orkut, os internautas terão acesso a ferramentas criadas para facilitar suas vidas digitais ou torná-las mais divertidas. O objetivo do Orkut e das outras redes que aderiram ao OpenSocial é usar a criatividade e boa vontade dos desenvolvedores autônomos para tornar esses sites mais atraentes.

“É como se o Google tivesse contratado mil engenheiros para contribuir com o Orkut”, comparou em novembro do ano passado Zachary John, gerente de produtos dessa rede social, ao anunciar a novidade.

O OpenSocial representa uma resposta ao Facebook, que vem ganhando espaço. Ao permitir que desenvolvedores criassem aplicativos, esse site ganhou milhares de ferramentas. Elas permitem, por exemplo, que o internauta divulgue para onde já viajou, as línguas que fala, coloque papéis de parede personalizados, informe o livro que está lendo e crie sua árvore genealógica, entre muitos outros exemplos.

“A partir deste mês, vamos permitir que os desenvolvedores disponibilizem suas aplicações para os usuários do Orkut. Essas novidades estarão disponíveis para mais de 50 milhões de pessoas nas próximas semanas”, escreveu no blog do Google Amar Gandhi, gerente de produto do Orkut. Os desenvolvedores devem inscrever suas invenções aqui até o dia 15 de fevereiro. Clique aqui para saber como participar do projeto.

Quando anunciou a novidade, o Google afirmou que não haveria uma censura prévia dos recursos disponibilizados pelos desenvolvedores. Se os responsáveis pelo gerenciamento das redes encontrarem ferramentas inapropriadas, elas poderão ser excluídas.

Da G1

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *