Programa conta com exibição de filmes nas escolas e visitas a pontos de cultura

Quinta-feira, 24 de Julho de 2008

O Governo do Estado inicia neste semestre um ambicioso programa de democratização cultural que vai atingir um milhão de estudantes. O Cultura é Currículo, lançado nesta quinta-feira, 24, pelo governador José Serra, vai levar os alunos da rede estadual de ensino a teatros, museus e demais instituições culturais de São Paulo gratuitamente, além de promover a exibição de filmes em sala de aula. A expectativa da Secretaria Estadual da Educação é ampliar o número de alunos a cada nova fase da iniciativa. “Estou muito feliz com o início de um programa que é fundamental para o desenvolvimento de nossos alunos porque facilita o acesso a diferentes formas de cultura. Não é apenas recreio, é aprendizado”, disse o governador José Serra no início da tarde de hoje no MAM (Museu de Arte Moderna), no Parque do Ibirapuera, na capital.

A idéia foi reiterada pela secretária estadual de Educação, Maria Helena Guimarães de Castro. “Vamos proporcionar aos estudantes um ciclo de novas aprendizagens. Sendo integrado ao currículo que desenvolvemos em todas as séries da rede, o programa permite que as crianças aprendam vendo, visitando os museus, cinemas, teatros de uma forma contextualizada. Isso faz com que eles tenham muito prazer em aprender, além da visita, que todo aluno gosta muito”, afirma a secretária. “Foram produzidos materiais de apoio para todas as atividades previstas, como guias, vídeos e um portal na internet que convida os professores a participar destas ações”, completou. Os interessados podem acessar: http://culturaecurriculo.edunet.sp.gov.br.

A secretária ainda lembrou que o programa, modulado de acordo com as características do currículo das séries e com a idade dos alunos, proporciona oportunidade única às crianças que têm pouco acesso a bens culturais. “Desta forma, a formação dos alunos não ficará restrita à sala de aula. Terão um novo horizonte. É uma maneira de ampliar o universo cultural dessas crianças e assim fazer com que elas possam de fato exercer a sua cidadania”, observou.

Com investimento de R$ 4,5 milhões, aproximadamente R$ 4,50 por aluno, o programa é considerado pelo governador como “econômico e que não envolve desperdício de dinheiro público”. A iniciativa engloba três projetos. O “Lugares de Aprender: Escola Sai da Escola” levará os alunos à instituições culturais como o Museu da Língua Portuguesa e o Memorial do Imigrante. Com o “Escola em Cena” os alunos irão a casas de espetáculo para conferir peças de teatros e dança. Já no “Cinema Vai à Escola” os estudantes vão conferir o que há de melhor na produção cinematográfica nacional e estrangeira através de DVDs exibidos na própria sala de aula. Veja mais detalhes sobre cada um deles:

Escola Sai da Escola

Para o Escola Sai da Escola (museus e parques, entre outros), o Governo do Estado, através da Secretaria da Educação, fechou, até agora, parcerias com 26 instituições culturais. Em 2008, o projeto atingirá as escolas da capital, passando em 2009 para a região metropolitana de São Paulo e o interior. Os alunos irão visitá-las rotineiramente, sempre com acompanhamento de professores. Estes receberão materiais específicos para preparar as visitas e discuti-las depois. Todas as informações estão inseridas no currículo da rede estadual de ensino.

Para reforçar o conteúdo a ser adquirido nas instituições culturais, a Secretaria da Educação, em parceria com a TV Cultura, produziu 26 vídeos (um para cada instituição), que tem como objetivo deixar as visitas mais atraentes e despertar o interesse dos alunos. Neste mês os vídeos entraram também na programação da TV Cultura, como divulgação dos “pontos turísticos” paulistas.

Cinema Vai à Escola

No projeto Cinema Vai à Escola, a Secretaria da Educação fechou a compra de 20 filmes contemporâneos e antigos. Todas as escolas de Ensino Médio do Estado receberão os DVDs e materiais de apoio pedagógico como os “Cadernos de Cinema do Professor” e o vídeo “Luz, Câmera… Educação”, que vão auxiliar os professores antes, durante e depois das sessões.

Os filmes abordam temas como ética e cidadania, meio ambiente, sexualidade, drogas, violência e preconceito. O critério de seleção das películas levou em conta os vários países onde há produção cultural e as diferentes escolas cinematográficas. Os alunos assistirão a documentários, filmes de ficção, comédia, drama e suspense, que não tenham sido exaustivamente exibidos pela televisão.

Escola em Cena

Já para o teatro, com o Escola em Cena, a pasta firmou parceria com a Secretaria Estadual da Cultura para proporcionar aos alunos do Ensino Médio e de escolas em tempo integral experiências de freqüentar espetáculos de teatro e dança articulados ao desenvolvimento de conteúdos de arte e outras disciplinas. A intenção é integrar alunos e professores em espetáculos teatrais e de dança. Trinta mil alunos devem participar do projeto em 2008.

* Confira lista de parceiros e filmes que integram o Cultura é Currículo

Ouça a notícia:

Do Portal do Governo do Estado de São Paulo

Compartilhe!
Tagged with:  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *