Oportunidades são para telemarketing, limpeza e supermercados; cadastramento de currículos pode ser feito pela internet, no endereço http://www.empregasaopaulo.sp.gov.br

O Poupatempo Sé, na Capital, foi palco de uma grande mobilização por emprego no último sábado (27). Lá começou o Mutirão do Emprego, realizado pelo Governo de São Paulo por meio da Secretaria Estadual do Emprego e Relações do Trabalho (SERT). Foram disponibilizadas 32 mil vagas de trabalho – a maior parte nas áreas de telemarketing, limpeza e supermercados. Mais de 500 pessoas cadastraram seus currículos nos guichês do Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) do Poupatempo, com a ajuda de funcionários da SERT, e algumas empresas deram início a processos de seleção no próprio local.

Durante todo o dia houve encaminhamento de candidatos para 10 mil vagas – ou seja, 22 mil continuam abertas. O Mutirão continua: quem quiser se candidatar pode fazer a inscrição em casa, pela internet, acessando o site do Emprega São Paulo (http://www.empregasaopaulo.sp.gov.br) – sistema online e gratuito de intermediação de mão de obra.

“O Mutirão é para estimular o Emprega São Paulo. É um elemento de mobilização. O desempregado não tem dinheiro para a condução. O Emprega ajuda a combater o desemprego e diminui o sacrifício que o trabalhador precisa fazer. Faz circular a informação e não as pessoas”, afirmou o governador José Serra. Ele lembrou que em maio, o número de pedidos de seguro-desemprego aumentou quase 30% em comparação com o mesmo período de 2008 – “o que mostra a gravidade do assunto”. “E o Governo do Estado está fazendo aquilo que pode, ajudando as pessoas a encontrar trabalho onde ele existe”.

O secretário Guilherme Afif Domingos explicou que geralmente existem de 14 a 15 mil vagas disponíveis pelo Emprega São Paulo. “Para o Mutirão fizemos um esforço grande junto aos empregadores para oferecer um número maior de vagas e conseguimos atingir a marca de mais de 32 mil vagas no Estado”.

Emprego garantido

Ingrid Silva, 20 anos, trabalhava como vendedora e estava há cinco meses sem emprego. Ela saiu do Mutirão com trabalho garantido, após participar de um processo seletivo e ser aprovada para uma vaga de operadora de telemarketing, com início imediato. “É um alívio estar empregada, ainda mais no meu caso, que tenho filho pequeno. Valeu a pena. Indico o Emprega São Paulo para todos que procuram trabalho”.

A Atento Brasil, empresa da área de telemarketing, utiliza o Emprega São Paulo desde setembro e contrata, pelo sistema, cerca de 500 pessoas a cada mês na Grande São Paulo e nas regiões de São José dos Campos, Ribeirão Preto, Campinas e ABC. As principais ocupações são teleoperador, supervisor e promotor de vendas. Para Emerson Gouveia, gerente de recursos humanos da Atento, o Emprega São Paulo é extremamente eficiente. “É uma excelente iniciativa do Governo de São Paulo, que traz excelente resultado no intuito de aproximar pessoas que necessitam de emprego e empregadores”.

O objetivo do Mutirão do Emprego é agilizar o encontro entre empresas que precisam de mão de obra e cidadãos que buscam uma colocação ou recolocação no mercado de trabalho. O evento é uma forma de aumentar as chances de quem está desempregado e incentivar mais empregadores a buscar profissionais por meio do Emprega São Paulo, que já conta com mais de 1,5 milhão de currículos cadastrados em seu banco de dados.

A SERT cederá às empresas contratantes da Região Metropolitana de São Paulo três auditórios, em sua sede, para que realizem seus processos seletivos.

Lindomar de Souza, 35, procura emprego na área gráfica ou como vigilante. Durante o Mutirão ele passou por uma triagem e comparecerá a uma entrevista de emprego no próximo dia 6. “Esperança a gente sempre tem”, disse.

Grande portal público de oferta e busca de vagas

Para utilizar o Emprega São Paulo é só acessar o site http://www.empregasaopaulo.sp.gov.br e criar login e senha. O cidadão que não tem acesso a internet pode ir a um dos 210 PATs espalhados por todo o Estado, aos Telecentros e aos Infocentros – além das unidades do Acessa São Paulo e do Poupatempo. O apoio aos usuários é feito pela central de atendimento (0800-770-7378).

“Temos avisos de mais de 60 mil candidatos colocados, mas calculamos que o número é o dobro porque há empresas que não informam”, disse o governador José Serra durante o Mutirão.

O cruzamento das vagas ofertadas com os currículos cadastrados ocorre automaticamente. As convocações são feitas por email ou mensagem SMS. Desde 1º de março deste ano foram enviadas mais de 100 mil mensagens.

Para o secretário Afif “o Emprega São Paulo é uma ferramenta aberta, que evita filas e acelera a intermediação de mão de obra. A mensagem SMS é a melhor forma de localizar o candidato, já que fizemos uma pesquisa e constatamos que 92% da população têm celular”. Ele define o programa como “a verdadeira democratização da oferta de mão de obra, que facilita o processo de seleção para quem precisa contratar e valoriza o profissional, já que mesmo sem estar desempregado pode continuar inscrito e ser informado se há outras vagas disponíveis para o seu perfil”.

Os números do Emprega São Paulo o colocam como um grande portal público de oferta e busca de oportunidades de trabalho. O site entrou no ar em agosto de 2008, passou por fase de adaptação e foi lançado oficialmente pelo governador José Serra em 12 de novembro. Desde agosto até agora, 1,5 milhão de candidatos e 87 mil empregadores se cadastraram. Neste mesmo período foram ofertadas 589 mil vagas. Mais de 900 mil pessoas foram convocadas para participar de processos seletivos.

Da SERT

Compartilhe!
Tagged with:  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *