Programa conta com 140 instituições parcerias e recebe R$ 13 milhões em investimento


Observatório Didático de Astronomia de Bauru, Museu de Anatomia da UNESP de Botucatu, Museu de Paleontologia de Marília e Casa de Cultura Euclides da Cunha, em São Carlos, são alguns dos 20 novos destinos oferecidos este ano aos alunos da rede estadual no interior que participam do projeto Lugares de Aprender – A Escola sai da Escola. Voltado a estudantes do 1º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio, o projeto faz parte do Programa Cultura é Currículo, da Secretaria da Educação, e oferece visitas monitoradas às instituições culturais parceiras, com transporte e lanche inclusos.

Este ano a estimativa é de que 500 mil alunos participem das atividades, sendo 233 mil só no interior. Para isso, o projeto conta com um total de 140 instituições parceiras e recebe R$ 13 milhões em investimento. “As visitas proporcionadas têm despertado grande interesse nos alunos. A interação com museus, teatros, cinemas e casas de cultura torna mais atrativa a associação com o conteúdo visto na escola”, diz o secretário Paulo Renato Souza.

Os destinos incluídos na programação 2010 para o interior são resultado de novas parcerias firmadas pela secretaria com instituições culturais, como a ampliação da parceria com o SESC São Paulo. A instituição tem vasta programação cultural em unidades na Capital e Grande São Paulo (Interlagos, Itaquera, Pinheiros, Pompéia, Santo André, Vila Mariana) e também no interior (Araraquara, Bauru, Bertioga, Piracicaba, Ribeirão Preto, Santos, São Carlos, São José do Rio Preto, São José dos Campos e Taubaté).

As visitas terão início no dia 20 de abril em todo Estado. As vagas são oferecidas às Diretorias de Ensino, que distribui às escolas estaduais que aderirem ao Projeto.

No ano passado, 2.631 escolas de 61 diretorias de ensino (da Capital, Grande São Paulo e Interior) participaram do Lugares de Aprender, que atendeu cerca de 260 mil alunos, em parceria com 102 instituições culturais. Foram investidos cerca de 6,3 milhões.

As novas instituições parcerias para 2010 são Museu Histórico da Colonização Pereira Barreto (Andradina), Horto Florestal (Assis ), Museu de Arqueologia e Museu Histórico Iepê (Assis), Observatório Didático de Astronomia (Bauru), Museu de Anatomia – UNESP (Botucatu), Museu de Arte Contemporânea/Teatro Municipal (Botucatu), Fazenda Pilão D’água (Itapeva),Fazenda Capoava (Itu), Chácara do Rosário (Itu), Museu de Paleontologia (Marília), Museu Histórico e Pedagógico Embaixador Hélio A. Scarabôtolo (Marília), Bosque Municipal (Marília), Museu Histórico e Arqueológico de Iguape (Miracatu), Museu de Arte Sacra de Iguape (Miracatu), Museu Municipal Pedro Laragnoit (Miracatu), Museu Municipal Francisco de Oliveira (Presidente Prudente), Centro de Museologia Antropologia da UNESP (Presidente Prudente), Sítio São João (São Carlos), Casa de Cultura Euclides da Cunha (São Carlos) e Pinacoteca Anderson Fabiano (Taubaté).

Sobre o Programa Cultura é Currículo

Implantado desde 2008, o programa Cultura é Currículo é o maior programa brasileiro de cultura para estudantes, inserido na proposta curricular, com objetivo de democratizar o acesso de professores e alunos da rede estadual a produções culturais que contribuam para ampliar sua formação. Ele é dividido em três segmentos: Escola Sai da Escola, com visitas a museus; Escola em Cena, que leva alunos para teatros; e Cinema Vai à Escola, voltado para exibições de filmes dentro das unidades.

No ano passado, a secretaria investiu cerca R$ 8,4 milhões no projeto, que levou um público estimado em 330 mil pessoas, entre alunos e educadores, a diversas atividades culturais na Capital, Grande São Paulo e interior do Estado. Neste ano, uma parceria firmada entre a Secretaria de Estado da Educação e o Sesc São Paulo pretende ampliou a participação da instituição no programa Cultura é Currículo. A iniciativa vai possibilitar que alunos da rede estadual de ensino (Ensinos Fundamental e Médio e EJA – Educação de Jovens e Adultos) tenham acesso gratuito a espetáculos de teatro e dança, além de visitas monitoradas às unidades do SESC São Paulo, na capital e interior. O transporte e a alimentação dos estudantes serão oferecidos pela secretaria.

Da Secretaria da Educação

Compartilhe!
Tagged with:  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *