Curso de especialização em Ética, Valores e Saúde na Escola oferecerá 350 vagas em quatro cidades do Estado


A Fundação Universitária para o Vestibular (Fuvest) receberá até a próxima segunda-feira, 21, as inscrições para o processo seletivo do curso de especialização em Ética, Valores e Saúde na Escola. Firmado em uma parceria do Programa Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp) com a Universidade de São Paulo (USP), o curso tem o objetivo de oferecer elementos aos profissionais da educação para que promovam no cotidiano das escolas ações de formação ética, que visem à cidadania e ao respeito à diversidade humana, com foco em temáticas de saúde. O curso também oferecerá uma base de conhecimentos sobre saúde, estigmatização e avanços da pesquisa acadêmica e científica sobre a epilepsia e outras enfermidades de natureza neurológica, além das possibilidades de tratamento e convivência.

Serão 350 vagas distribuídas em quatro cidades do Estado: São Paulo, Campinas, São Carlos e Ribeirão Preto. O curso terá duração de 15 meses e carga horária de 480 horas – sendo 360 de atividades didáticas e 120 para elaboração de monografia. Como utiliza Tecnologias de Informação e de Comunicação (TICs), 50% das atividades do curso serão a distância e os outros 50% serão presenciais, com utilização intensiva da internet, da Univesp TV e material impresso. As vagas serão organizadas em turmas constituídas por grupos, que terão locais e horários de aulas presenciais obrigatórios.

O secretário de Ensino Superior, Carlos Vogt, afirma que a expectativa com o novo curso é elevada. “Trata-se de um importante passo, que vai garantir uma nova oportunidade de ensino de qualidade”, afirma. “Além disso, este é o primeiro processo seletivo da parceria firmada entre Univesp e USP, o que abre uma perspectiva promissora de cooperações futuras em novos cursos, perspectiva na qual já se inscreve concretamente o curso de licenciatura em Ciências, a ser oferecido também neste ano, no segundo semestre”, completa.

Inscrições

Os interessados poderão se inscrever exclusivamente pelo site da Fuvest (www.fuvest.br). Após o preenchimento da ficha de inscrição, o interessado deverá pagar uma taxa de R$ 50,00 (cinquenta reais) na rede bancária. O candidato deverá preencher, cumulativamente, os seguintes requisitos: ser portador de diploma de ensino superior e ser professor, coordenador pedagógico, vice-diretor ou diretor em instituição de educação infantil, de ensino fundamental, médio ou profissional no Estado de São Paulo em exercício.

O ingresso no curso será realizado por processo de seleção classificatório, com o aproveitamento dos candidatos classificados até o limite de vagas fixadas para cada grupo (ver abaixo), obedecendo às normas do edital.

Prova

A prova será realizada no dia 18 de julho (domingo) na cidade que o candidato indicou como opção para cursar as atividades presenciais obrigatórias, em local e horário a serem divulgados no site da Fuvest. O exame será composto por uma redação em língua portuguesa, elaborada em gênero dissertativo e seguindo a norma padrão da língua, sob temática relacionada aos objetivos do curso, com pontuação máxima de 100 (cem) pontos. A nota da redação será o resultado da avaliação de três aspectos textuais: (1) tipo de texto e abordagem do tema, (2) estrutura e (3) expressão.

O candidato deverá exibir no momento de realização da prova, obrigatoriamente, cédula de identidade original em boas condições de visibilidade, de modo a possibilitar a conferência da foto, assinatura e demais dados.

Matrículas

A matrícula dos candidatos convocados acontecerá nos dias 29 e 30 de julho, no local de realização do curso para cada turma, em horário e endereço que serão informados no site da Fuvest. Os aprovados deverão apresentar duas fotos 3×4 recentes e uma cópia, acompanhada dos originais, de cada um dos seguintes documentos:

I – diploma de curso superior
II – três últimos demonstrativos de vencimento ou atestado comprovando estar em efetivo exercício da função docente/administrativa em escola de educação infantil, fundamental, média ou profissional no Estado de São Paulo
III – cédula de identidade
IV – certificado que comprove estar em dia com o serviço militar, para candidatos do sexo masculino V – comprovante de endereço

Início das aulas

Para todas as turmas o início das aulas está agendado para agosto de 2010.

Metodologia

O curso utilizará como metodologia a proposta da Aprendizagem Baseada em Problemas e por Projetos (ABPP), que adota como princípio o papel ativo dos estudantes na construção do conhecimento. Nessa concepção, trabalhando em pequenos grupos e coletivamente, os alunos deverão pesquisar e resolver problemas complexos, práticos e cotidianos, relacionados à realidade das práticas docentes e das instituições educativas em que atuam profissionalmente. Inicialmente, o que esse tipo de abordagem educacional aponta é uma mudança na forma de organização do ensino e da aprendizagem no nível universitário. O foco da ação educativa deixa de ser o ensino e volta-se para a aprendizagem do estudante, o que solicita a construção de novos modelos de funcionamento acadêmico.

Módulos

I – Interdisciplinaridade, transversalidade e projetos
II – Saúde e educação
III – Profissão docente na sociedade contemporânea
IV – Educação e aspectos psicossociais da epilepsia
V – Trabalho de Conclusão de Curso

Disciplinas

Cada semestre é organizado em torno de dois módulos centrais. Serão oferecidas algumas disciplinas específicas, como apoio ao tema em estudo e aos projetos em desenvolvimento:

- Temas transversais e a estratégia de projetos
- Profissão docente
- Educação e construção de valores
- Educação Especial / Inclusiva e epilepsia: possibilidades, avanços, desafios
- Educação comunitária e para a cidadania
- Doenças neurológicas, com ênfase em epilepsia
- Epilepsia: perspectiva psico-social e a interação com a sociedade
- Saúde na escola
- Tutoria de Projetos I e II
- Tutoria de Projetos em ética e saúde III e IV
- Trabalho de campo supervisionado I
- Trabalho de campo supervisionado II, III e IV – ética e saúde
- Trabalho de Conclusão de Curso – monografia em ética e saúde

Distribuição das vagas

As 350 vagas serão organizadas em turmas constituídas por grupos, que terão locais e horários de aulas presenciais obrigatórios, com frequência mínima de 85%, conforme discriminado a seguir:

Turma 1 – EACH (USP Leste)
Grupo 1 – Terça-feira, das 19 às 22h30 horas (12 vagas)
Grupo 2 – Quinta-feira, das 13h30 às 17 horas (12 vagas)
Grupo 3 – Quinta-feira, das 19 às 22h30 horas (13 vagas)
Grupo 4 – Sábado, das 8h30 às 12 horas (13 vagas)

Turma 2 – EACH (USP Leste)
Grupo 1 – Terça-feira, das 19 às 22h30 horas (12 vagas)
Grupo 2 – Quinta-feira, das 13h30 às 17 horas (12 vagas)
Grupo 3 – Quinta-feira, das 19 às 22h30 horas (13 vagas)
Grupo 4 – Sábado, das 8h30 às 12 horas (13 vagas)

Turma 3 – FE-USP (Cidade Universitária)
Grupo 1 – Terça-feira, das 19 às 22h30 horas (12 vagas)
Grupo 2 – Quinta-feira, das 13h30 às 17 horas (12 vagas)
Grupo 3 – Quinta-feira, das 19 às 22h30 horas (13 vagas)
Grupo 4 – Sábado, das 8h30 às 12 horas (13 vagas)

Turma 4 – IFSC (USP São Carlos)
Grupo 1 – Quinta-feira, das 19 às 22h30 horas (12 vagas)
Grupo 2 – Sexta-feira, das 13h30 às 17 horas (12 vagas)
Grupo 3 – Sexta-feira, das 19 às 22h30 horas (13 vagas)
Grupo 4 – Sábado, das 8h30 às 12 horas (13 vagas)

Turma 5 – FFCLRP (USP Ribeirão Preto)
Grupo 1 – Segunda-feira, das 13h30 às 17 horas (12 vagas)
Grupo 2 – Quinta-feira, das 19 às 22h30 horas (12 vagas)
Grupo 3 – Sexta-feira, das 19 às 22h30 horas (13 vagas)
Grupo 4 – Sábado, das 8h30 às 12 horas (13 vagas)

Turma 6 – Unicamp (Campinas)
Grupo 1 – Quinta-feira, das 13h30 às 17 horas (12 vagas)
Grupo 2 – Quinta-feira, das 19 às 22h30 horas (12 vagas)
Grupo 3 – Sexta-feira, das 19 às 22h30 horas (13 vagas)
Grupo 4 – Sábado, das 8h30 às 12 horas (13 vagas)

Turma 7 – Unicamp (Campinas)
Grupo 1 – Quinta-feira, das 13h30 às 17 horas (12 vagas)
Grupo 2 – Quinta-feira, das 19 às 22h30 horas (12 vagas)
Grupo 3 – Sexta-feira, das 19 às 22h30 horas (13 vagas)
Grupo 4 – Sábado, das 8h30 às 12 horas (13 vagas)

Univesp

O Programa Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp) foi criado pelo decreto nº 53.536 de 9 de outubro de 2008 com o objetivo de ampliar o acesso à educação superior pública, em parceria com as três universidades paulistas – USP, Unicamp e Unesp – e com o Centro Paula Souza. A estrutura consorciada da Univesp agrega ainda outras importantes instituições, entre elas a Fundação Padre Anchieta, a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Pau (Fapesp), a Fundação do Desenvolvimento Administrativo (Fundap) e a Procuradoria Geral do Estado.

Os cursos oferecidos pela Univesp têm o seu projeto acadêmico e seus conteúdos formulados pelas instituições de ensino que os propõem. São elas também as responsáveis pelo processo de seleção para o ingresso dos alunos, bem como pela avaliação de seu desempenho nos cursos. À Univesp cabe garantir as condições materiais, financeiras e tecnológicas para a realização desses cursos, acompanhando, de modo integrado com a instituição parceira, a sua realização, o seu desenvolvimento e o aproveitamento dos alunos neles matriculados.

Já estão em andamento, no âmbito do Programa Univesp, o curso de Pedagogia em parceria com a Unesp e o curso de idiomas (inglês e espanhol) no Centro Paula Souza. Para o segundo semestre deste ano a USP prepara sua primeira graduação em parceria com a Univesp – o curso de licenciatura em Ciências, inédito no país.

Da Univesp

Compartilhe!
Tagged with:  

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *