No mês das férias escolares, haverá uma programação especial dedicada às crianças

O tema de julho da Biblioteca de São Paulo é Sabores e Dessabores: A comida e a fome. Também haverá uma programação mais que especial para as crianças. Os convidados do projeto Sábados da Memória das Artes Gráficas do mês são Angeli (dia 17), Franco de Rosa (24) e Benício (31).

Além dos eventos recreativos, a BSP também oferece serviços de referência e informação, leitura de livros, revistas e jornais, empréstimo domiciliar e de materiais de outras bibliotecas, programas de leitura, acesso gratuito à internet e localização de informação especializada. Nela é possível escutar música, assistir a um filme, brincar com os jogos eletrônicos e relaxar nas suas várias áreas de convivência.

Confira abaixo a programação deste mês totalmente gratuita:

Oficinas

Oficina de Io-io
Crianças e adultos aprendendo manobras radicais com profissionais.
Com Anselmo e Anik
Sábados: 3, 10, 17, 24 e 3, às 11 horas

Degustando Livros – Literatura e Gastronomia
Com José Antonio Féra Junior e Patricia Rodrigues de Souza
Três dias, três cardápios diferentes onde as letras ganham sabor.

Quinta-feira: 8, às 19 horas – Academia brasileira de Temperos – Grandes escritores e gourmets
Quarta-feira: 14, às 19 horas – Navegando pelos aromas e descobertas
Quarta-feira: 21, às 19 horas – Historiografia da literatura gastronômica

Oficinas de memória Sabores do Saber
Oficina aberta a toda comunidade, busca envolver as pessoas a relembrar hábitos alimentares e suas trajetórias de vida. O resultado do trabalho será organizado numa publicação aos participantes. A organização da oficina é da Biblioteca de São Paulo e Ação da Cidadania – Comitê Estadual SP

1ª turma – 20, 21 e 22, às 14 horas
2ª turma – 27, 28 e 29, às 14 horas

Palestras

Graffit: Arte Urbana – Graffit como ferramenta de reivindicações sociais
Rui Amaral, artista plástico e ativista cultural é um dos pioneiros do movimento do graffiti brasileiro. Coordena projetos de arte e educação voltados à valorização da cidadania junto a comunidades carentes e sobre isso tratará em sua palestra.
Sábado: 17, às 10h30

Geografia da Fome
Baseada na obra homônima de Josué de Castro, a palestra de Guilherme Rocha procura mostrar às gerações atuais como a fome ainda é uma ferida aberta mesmo em cidades como São Paulo.
Domingo: 18, às 15 horas

O Grafite no Contexto Antropofágico
Pato acredita que a fantasia e o humor ajudam as pessoas entenderem os assuntos da sociedade e seu trabalho coloridíssimo tem inspiração em animações de TV, gibis e no cinema.
Domingo: 25, às 14 horas

Cora Coralina Doceira e Poeta
Marlene Vellasco, presidente da Associação Casa de Cora Coralina, da cidade de Goias, fala sobre a obra da autora quando poeta e doceira.
Sábado: 31, às 15 horas

Leitura Dramática
Espaço aberto para uma conversa entre autores, atores, diretores e público sobre a cena teatral paulista.

Nicole Wolfman, de Adélia Carvalho e Grafitti Blues, de Debora Aoni
Direção: Ruy Jobim Neto
Interpretação Debora Aoni
Quinta-feira: 1, às 19h30

Talhado mundo, de Ruy Jobim Neto
Direção Ruy Jobim Neto
Interpretação Gus Stevaux e Fernando Pivotto
Quinta-feira: 29 de julho, às 19h30

Ciclo de filmes e diálogos ‘Cidadania se põe à mesa?’
Debates seguidos de exibição de filmes que discutem como a fome afeta o conceito de cidadania no Brasil.

Alimentação saudável: Direito das presentes e futuras gerações
Com Chico Menezes, IBASE, e representante da Ação da Cidadania
Terça-feira: 13, às 19 horas

Garapa, de José Padilha
Terça-feira: 20, às 19 horas

Cine-diálogo

Saboreando o Poder, com exibição do filme Estômago, de Marcos Jorge
Convidados: Luiz Mendes Junior, autor do livro Memórias de um Sobrevivente, e Marcos Jorge, diretor de cinema.
Terça-feira: 27, às 19 horas

Infantil

Contação de histórias
O lado mágico das histórias sob a ótica da filosofia
Charles Gentil
Domingo: 4, às 15 horas

Minotauro
Baseada na de Monteiro Lobato com ilustrações de Odilon de Moraes
Com Edna Cardoso, da Editora Globo
Sábado: 17, às 15 horas
Domingo: 25, às 15 horas

Encanto do conto
Com Pierre Cortez
Domingo, 18, às 15 horas

O resgate dos Vitaminics
Com Robson dos Santos
Domingo: 25, às 11 horas

Caricaturas infantis
Com Sergio Morettini
Que tal ganhar um presente da Biblioteca de São Paulo?
Traga as crianças e capriche na pose!
Domingo: 4, das 13 às 16 horas

Sábados da Memória das Artes Gráficas
Todos os sábados, às 14h30, um grande artista das artes gráficas brasileiras é homenageado na Biblioteca de São Paulo. Este mês os homenageados são:
Sábado: 17, às 14h30 – Angeli
Sábado: 24, às 14h30 – Franco de Rosa
Sábado: 31, às 14h30 – Benício

Música na Biblioteca
Aos domingos, sempre às 17 horas, a Biblioteca de São Paulo oferece um show musical para você encerrar bem o seu dia.
Domingo: 18, às 17 horas – Parampará
Domingo: 25, às 17 horas – Andrea Cota Lima

Saraus

Sarau da Biblioteca de São Paulo
Espaço livre onde as palavras impressas ganham voz. Lugar onde a poesia torna-se expressão. Onde a alma do escritor anônimo aflora.
Sábados: 3, 10, 17, 24 e 31, às 16 horas

Sarau lítero-musical no Ecoboteco
Encontro para degustar a boa música e poesia, e também alimentos saudáveis produzidos e comercializados por meio de relações justas e solidárias, em equilíbrio com o meio ambiente.
Sábado: 31, às 16 horas

Poesia da Intervenção
Os educadores Rafael Capellari e Priscila Carvalhaes recitarão poesias de Drummond, Pessoa, Florbela Espanca e outros autores da língua portuguesa passeando pela biblioteca.
Domingo: 4, às 9 horas e às 19 horas

Literatura Via Leste
Baseado na obra de quatro escritores do leste europeu, Ismail Kadaré, Milan Kundera, Vladimir Voinovitch e Istvan Orkéni, fortemente influenciados pelo período que vai do pós-guerra até a queda da cortina-de-ferro, trata-se de evento multimídia com forte participação do público.
Sexta-feira: 16, às 17 horas

Chama Poética
Direção Fernanda Almeida Prado, com Alex Dias.
Domingo: 18, às 14 horas

Bate-papos
Futebol, política e cachaça

Com Mouzar Benedito e Anselmo Massad
Causos e ditados do Brasil sobre a “Marvada” e sua influência na política e no futebol.
Sexta-feira: 9, às 19 horas

Intervenção musical ‘O Cordel e sua história’
Bosco Maciel, cantador, folclorista e poeta, fala sobre a origem e o desenvolvimento dessa poesia popular por meio da apresentação de seus autores mais conhecidos, gêneros e principais obras.
Quinta-feira: 15, às 19 horas

Encontros UBE/BSP
Com Edmundo Carvalho

Lygia Fagundes Telles
Uma conversa direta entre a autora de Ciranda de Pedra e As Meninas com o público da Biblioteca de São Paulo. Num formato descontraído, o bate-papo se dará entre os livros do piso superior da BSP.
Sábado: 24, às 17 horas

Ana Paula Maia
Promissora escritora carioca, autora do livro Entre Rinhas de Cachorros e Porcos Abatidos, Ana Paula Maia falade seu processo criativo e dos novos caminhos para a literatura brasileira.
Domingo: 25, às 15 horas

Serviço
Biblioteca de São Paulo – Programação de julho
Parque da Juventude
Avenida Cruzeiro do Sul, 2.630 – Santana – São Paulo-SP
Telefone: (11) 2089-0800
www.bibliotecadesaopaulo.org.br
www.bibliotecadesaopaulo.blogspot.com

Da Biblioteca de São Paulo

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *