Pesquisa sobre perfil dos usuários do programa aponta que 66% dos entrevistados utilizam o serviço gratuito para atividades profissionais

A maioria dos usuários dos postos do Acessa SP usa o programa para trabalhar. É o que revela a oitava edição da Ponline, pesquisa realizada anualmente para traçar o perfil dos usuários do serviço de inclusão digital do governo de São Paulo. Os dados do levantamento mostram que o cidadão faz contato com clientes, passa orçamentos e responde a e-mails profissionais, por exemplo.

Além de usar os 628 postos à disposição da população para realizar suas atividades profissionais, o Acessa São Paulo também tem sido usado para educação e serviços de governo eletrônico, como busca de emprego. A pesquisa mostra um crescimento de 8% no uso do e-gov desde 2008, com 82% de usuários em 2010. Os destaques desse tipo de demanda são a consulta ao CPF (42%), inscrição em concursos públicos (36%), Nota Fiscal Paulista (35%) e Emprega São Paulo (30%). O quesito busca de emprego (34%) é outro destaque, assim como o envio de currículos (32%). O índice de satisfação dos serviços de governo eletrônico em geral é de 61%.

O programa também é uma importante ferramenta para educação na internet. Os dados mostram que 44% dos entrevistados pela Ponline realizam atividades escolares, como pesquisa na web. Outros 22% usam o Acessa São Paulo para buscar informações sobre cursos de graduação, pós-graduação ou de extensão; 12% declararam usar os computadores do programa para checar a disponibilidade de livros ou artigo na biblioteca ou fazer download de material online fornecido no curso, e 10% disseram que usam a rede para cursos de educação à distância.

Rede de Projetos
Ainda na área de educação, a Ponline identificou o grande potencial da Rede de Projetos, uma das principais ações do Acessa São Paulo, cujas atividades são conhecidas por 34% dos entrevistados. O objetivo dessa rede é levar novos conhecimentos para a comunidade em que se situa o Posto do Acessa São Paulo e fazer dele mais que um lugar de acesso à internet. Dos 7.251 mil entrevistados, 62% afirmaram que gostariam de participar de um projeto em sua cidade, sobretudo nas áreas de informática, emprego, trabalho, música e crianças.

Avaliação
A avaliação dos monitores que atendem a população subiu em relação à pesquisa anterior nos sete quesitos abordados: conhecimento de informática e internet, pontualidade, dedicação, capacidade de ensino, estímulo ao aprendizado, resolução de dúvidas, e estímulo para novas atividades/projetos nos postos. As salas do programa também aumentaram suas notas em todos os quesitos pesquisados: limpeza, segurança, estrutura e equipamentos.

Outros destaques da pesquisa:

Perfil dos usuários
- 54% têm até 19 anos de idade
- 41% são adultos (20 a 49 anos) de idade
- 81% têm nível de escolaridade até 2º grau
- 63% estudam
- 49% fazem parte da população economicamente ativa
- 63% têm o hábito de acessar a internet no tempo livre
- 4% têm algum tipo de deficiência

Fidelidade e novos usuários
-84% vão aos postos do Acessa SP mais de uma vez por semana
-57% frequentam o posto há menos de um ano

Acessa São Paulo
O Acessa São Paulo é um programa de inclusão digital do Governo do Estado de São Paulo, vinculado à Secretaria de Gestão Pública e administrado pela Prodesp (Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo), que já ultrapassou a marca de 50 milhões de atendimentos. Desde a sua fundação, em 2000, são mais de 2 milhões de usuários cadastrados. Ao todo, são 629 postos em funcionamento em 537 municípios, com mais de 5 mil computadores e 1,2 mil monitores.

Fonte: Secretaria de Gestão Pública

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *