Público já pode conferir ‘O que cai mais rápido?’, ‘Eletricidade e Magnetismo: enfim juntos!’ e ‘Duas bobinas não se tocam, mas uma cria corrente elétrica na outra’

Neste período de férias escolares, espaço de ciência e tecnologia da Secretaria da Cultura de São Paulo, inaugura três novos equipamentos na seção Engenho. Já estão em funcionamento: O que cai mais rápido?, Eletricidade e Magnetismo: enfim juntos! e Duas bobinas não se tocam, mas uma cria corrente elétrica na outra.

Na primeira delas, O que cai mais rápido?, é possível comprovar a teoria de Galileu Galilei (1564-1642) de que a massa de um objeto não influencia em sua queda. O equipamento compara a queda de uma pena e uma bola dentro de dois tubos, um com ar e outro sem (vácuo). Onde existe ar, a bola chega primeiro ao final do percurso, já no outro, os objetos caem juntos.

Eletricidade e Magnetismo: enfim juntos! mostra que a eletricidade pode gerar magnetismo. A observação de que corrente elétrica produz campo magnético foi feita pelo cientista Hanz Oersted, em 1813. Depois de observarem de que o efeito contrário também ocorre, ou seja, magnetismo pode gerar eletricidade, cientistas elaboraram a importante teoria do Eletromagnetismo.

A outra instalação, Duas bobinas não se tocam, mas uma cria corrente elétrica na outra demonstra que duas bobinas completamente independentes podem induzir corrente elétrica uma na outra. “O experimento revela o princípio do funcionamento dos transformadores elétricos”, explica Lívia Aceto, educadora chefe do Catavento.

Essas novas atrações somam-se às mais de 100 instalações da seção Engenho, que frequentemente levam os visitantes ao delírio. Neste espaço as leis da física são explicadas didaticamente de maneira interativa. Lá é possível entender como um balão sobe; como se forma um arco-íris; experimentar confusões do cérebro na “casa maluca” ou ainda saber como a corrente elétrica é gerada.

Sobre o Catavento

O espaço, fruto de parceria entre as Secretarias Estaduais da Cultura e da Educação, foi inaugurado em março de 2009. São mais de 250 instalações, divididas em 4 mil metros quadrados, divididas em quatro seções (Universo, Vida, Engenho e Sociedade), cada uma delas elaborada com iluminação e sons diferentes, que contribuem para criar atmosferas únicas e envolventes.

Atrações como aquários de água salgada, anêmonas e peixes carnívoros e venenosos, uma maquete do sol, uma caverna que reproduz as formações e sons originais e uma parede de escaladas onde é possível ouvir histórias de personalidades como Gengis Khan, Julio Cesar e Gandhi, são apenas alguns exemplos de como o visitante pode aprender e se divertir ao mesmo tempo.
No local também é possível conferir as 23 atrações do Museu da Tecnologia de São Paulo, que teve seu acervo transferido para o Catavento no início de 2011.

Entre os principais equipamentos estão a locomotiva Dübs (fabricada em 1888 na Inglaterra, ela pertenceu à Cia. Paulista de Estradas de Ferro e foi usada brevemente para o transporte de carga) e o avião DC-3 (1936), que foi utilizado como cargueiro militar na Segunda Guerra Mundial.

Serviço
Espaço Catavento
Onde: Palácio das Indústrias – Parque Dom Pedro II, Centro – São Paulo/SP
Quando: terça a domingo, das 9h às 17h (bilheteria fecha às 16h)
Quanto: R$ 6 e meia-entrada para estudantes e idosos.
Idade mínima para visitação: recomendado para crianças a partir de seis anos
Como chegar: www.cataventocultural.org.br/mapas.asp
Acesso por transporte público: estação de metrô Pedro II e terminal de ônibus do Parque Dom Pedro II
Estacionamento: R$ 5 (capacidade para 200 carros)
Infraestrutura: acesso para pessoas com deficiência locomotora

Fonte: SP Notícias

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *