Incentivadas pelo Ministério das Comunicações, as operadoras móveis vão iniciar, no próximo sábado, 14/7, um projeto piloto de acesso gratuito a páginas da Internet, no mesmo modelo utilizado para ligações telefônicas para números 0800.

A experiência inicial envolverá 80 moradores da cidade de São Sebastião, no Distrito Federal e deve durar 15 dias. Selecionados pelo governo do DF, eles usarão smartphones emprestados pelas empresas Vivo, Tim, Claro e Oi e poderão acessar, sem custos, uma página preparada para o teste.

Nessa página – bandalarga.0800.br – é possível acessar notícias e serviços locais, como ofertas de emprego, linhas e horários de transportes públicos, informações sobre concursos e atividades culturais. Não será possível acessar outros sites da Internet.

“Costumamos criticar as ‘jabuticabas’ que por vezes são impostas ao setor, mas essa é uma jabuticaba boa, algo inédito no mundo e que exigirá ainda mais trabalho, até porque não existe referência de um serviço como esse em nenhum lugar”, festejou o diretor executivo do Sinditelebrasil, Eduardo Levy.

Para o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, a ideia é especialmente relevante por conta da Lei de Acesso à Informação, como forma de o governo disponibilizar dados aos brasileiros. “Mas faz sentido para outros setores, como talvez os bancos e sites de vendas, cujo acesso gratuito pode ser um incentivo.”

Pelo projeto, a remuneração pelo serviço deve ser feita pelos sites gratuitos, como acontece nas chamadas 0800 – e exigirá alterações no regulamento da Anatel sobre esse tipo de chamada. Mas as operadoras já veem outros ganhos, desde incentivar o uso de smartphones independentemente da gratuidade, até a nova desculpa para pedir novas faixas de frequência.

“Se esse serviço tiver o alcance que imaginamos, vamos precisar de mais espectro”, disse Levy. O alvo mais óbvio são os milhões de brasileiros que utilizam celulares pré-pagos, mas o modelo pode perfeitamente funcionar nas conexões fixas de Internet.

Fonte: Convergência Digital

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *