Lembro-me das pequenas longas viagens de uma extremidade a outra da cidade de São Paulo, quando sempre era necessário preparar-se com uma boa dose de paciência para um trajeto que nunca durava menos de duas horas. Pegávamos o primeiro ônibus, depois um metrô e depois mais um ônibus. Costumava me perguntar porque não criavam uma linha que ligasse a prosaica Vila Aurora, um bairro do distrito de Santana, na zona Norte, à pacata Vila Olímpia, na zona sul.  Cada vez que chego em São Paulo e desço do ônibus naquele bairro tenho uma estranha sensação de ter parado no lugar errado. Arranha-céus, grandes vias expressas, bares e restaurantes da moda, em nada me fazem lembrar os anos em que frequentei aquela região, fosse em visitas aos pais de minha mãe, ou mesmo morando ali em uma de suas ruas. Qualquer das duas linhas que faziam ponto final no bairro tinham que passar obrigatoriamente pelo Itaim-Bibi. Por mais que eu estivesse distraída querendo ler todos os anúncios, placas e luminosos que via pelo caminho, quando o ônibus dobrava na rua Joaquim Floriano com João Cachoeira, um aroma inconfundível invadia minhas narinas. Vinha da fábrica de chocolates que durante muitos anos funcionou ali: a antiga Kopenhagen, aquela das famosas iguarias que atendem pelo nome de “Nhá-Benta”.

Mas esse certamente não foi o único cheiro que ficou marcado na minha memória olfativa. Quando estava entediada pela rotina de subir a rua Casa do Ator,indo ou voltando da escola,desviava o caminho e entrava na paralela, a Gomes de Carvalho. No trecho entre a Cardoso de Melo e a rua Alvorada havia uma pequena torrefação de café, a Paraventi. O muro era pintado em tons fortes com a figura de um simpático guardinha acionando um apito. Diversas vezes passei por ali, e enquanto era inebriada pelo cheiro que exalavam os grãos de café sendo torrados, fitava o desenho estampado no muro, extasiada pela beleza das cores. E a Quatá? Outra paralela à rua Casa do Ator, tinha no final dela uns prédios térreos cobertos de pastilhinhas e uma grade verde musgo cercando a construção. Por mais feia que fosse, (e hoje ainda continuo achando essa rua sem graça),adorava passar por ali de bicicleta, só prá sentir o cheirinho de alfazema vindo dos laboratórios da Phebo, que produzia os famosos sabonetes “Patchoulli”.

 Bom,para terminar esta sessão nostalgia, não posso deixar de mencionar o depósito de látex defumado que ficava na rua Alvorada. Assim como o “sabor-aroma” da Kopenhagen, encravada em pleno Itaim, o “incenso” do Café Paraventi, e a suave fragrância da Phebo, aquele forte odor de borracha também não existe mais. Ali funciona um simplório estacionamento. Essa era a Vila Olímpia que eu conheci. 

Nathacha Regazzini Bianchi Reis, 38 anos. 

Esse texto faz parte da seção Eu me Lembro, destinada a depoimentos dos usuários do Acessa São Paulo. Quer participar também? Envie sua história para a gente.

 

 

Compartilhe!

9 comentários para Viagem de um extremo a outro de São Paulo

  1. Benedita disse:

    Amei a sua história

  2. Então, Nathacha, sou do interior, conheço pouquíssimo, quase nada de São Paulo, apenas morei aí na infância, em Pinheiros, até os 3 anos de idade, quando voltei com meus pais para Espírito Santo do Pinhal-SP, cidade pequena de 30 mil habitantes, na época. Como mudou São Paulo, não? Hoje, pela tv, só vejo notícias de violência e engarrafamentos. Não deve haver só isso, é claro, mas eu não mudaria pra metrópole, não! Prefiro o interior que é mais calmo! Abraço!

  3. MICHELE disse:

    MUITO LEGAL MSM….PARABENS VIU.

  4. parabens adorei ler seu testo colega

  5. JANA disse:

    Nathacha adorei a sua historia;e os bons tempos que viveu na infância.também tenho varias recordações de quando era criança.Amo São Paulo,Parabéns SP.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Current month ye@r day *