Como ter experiência sem ter emprego? E como conseguir emprego sem experiência? Esse é um dos maiores dilemas dos jovens que buscam colocação no mercado de trabalho. Usar ferramentas que foquem em cursos ou conquistas escolares e acadêmicas, como o LinkedIn, pode ser uma saída.

A plataforma é uma rede social voltada ao encontro entre profissionais. Além de criar uma rede de contatos extremamente útil, é usada pelas empresas para recrutamento. Também  organiza os dados dos usuários de maneira dinâmica e com fácil visualização. Ao criar seu perfil, lembre-se de que quanto mais informações relevantes você fornecer, mais chances terá.

Confira outras dicas para compor um perfil atrativo: dicas:

1 – Projetos: Se você participa ou participou de algum projeto de pesquisa na escola ou em algum curso, não deixe essa informação de fora.

2 –  Reconhecimentos e prêmios: Destaques em disciplinas, concursos, olimpíadas (como a de matemática) e outras provas especiais contam muito. Se tiver ganho algo, como uma bolsa de estudos, melhor ainda!

3 –  Organizações: Grêmios, associações atléticas, atuação em ações voluntárias…. Os empregadores e recrutadores sempre procuram pessoas com forte senso de liderança. Mencione organizações de que tenha participado.

4 –  Boas notas: Cite exemplos caso seja um bom aluno na escola, ou se já tiver prestado vestibular e alcançado uma boa colocação.

5 –  Cursos livres: Cursos sempre dão peso ao perfil. Mencione-os, mesmos os de curta duração. O importante é a relevância de cada um.

O que é LinkedIn

Fonte: Catraca Livre

Trilhas do Conhecimento 

Terminou o ensino médio e não sabe o que fazer? As Trilhas do Conhecimento  do AcessaSP trazem informações sobre testes vocacionais, inclusive online, com auxílio de psicólogos e profissionais especializados em emprego e carreira; dicas sobre profissões e o mercado de trabalho; recomendações para quem quer continuar os estudos e precisa trabalhar; além de relacionar cursos livres e técnicos, todos gratuitos.

Clique aqui e conheça.

 

Categorias: Notícias

Robson Leandro

Trabalha na Escola do Futuro da USP desde julho de 2006. Até maio de 2013 esteve no projeto Acessa SP passando pela Rede de Projetos, Formação (Programa de Capacitação Continuada) e pela coordenação do projeto. De 2013 até 2014 coordenou o ecossistema web da coordenadoria de juventude do estado de São Paulo. Retornou ao projeto Acessa SP em abril de 2015.

1 comentário

Samuel chinedu agbo · 13/12/2016 às 10:51

Faz melhor forma possivel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *