O Encontro Regional “Trabalho & Emprego”, realizado dia 18 de outubro, no posto do AcessaSP do Parque da Juventude, em São Paulo (SP), promoveu trocas de percepções e práticas entre os 20 projetistas e monitores, de 6 municípios.

A primeira oficina foi coordenada por Nilva Marques, de Ibirá. Com base em sua vivência de oito anos no programa Acessa SP, ela fez uma apresentação e orientou uma atividade com foco na confecção de currículos. A monitora, que já fez a formação do Time do Emprego, e atualmente promove a multiplicação dessa metodologia em seu posto, deu várias dicas aos presentes sobre uma das mais fortes demandas entre os usuários.

Nilva Marques do AcessaSP de Ibirá apresentando a oficina “Acolhimento ao desempregado”.

A primeira coisa que ela recomenda, quando alguém chega ao posto solicitando que se faça um currículo, é “abrir o coração”. Isso significa, segundo Nilva, conversar, acolher, tentar ampliar os horizontes da pessoa para que ela faça um currículo mais elaborado e “com mais chances de chamar a atenção do entrevistador”. O usuário, disse ela, não tem conhecimento da importância de um CV. “Muitos acham que vão levar aquele papel e que só vão olhar o RG e o CPF. Isso não é verdade. É possível conversar com a pessoa e ajudá-la a encontrar um diferencial para o seu currículo”, ensinou.

O tema, porém, não se limitou à teoria. Nilva animou o grupo para uma prática de construção de CV, a partir da história de uma personagem fictícia. Divididos em grupos de três, os participantes realizaram os trabalhos, que estão postados no grupo do Facebook Trilhas AcessaSP – Oficina Acolhimento ao desempregado , para avaliação e debate coletivo.

 

Trilhas do Conhecimento 

Terminou o ensino médio e não sabe o que fazer? As Trilhas do Conhecimento  do AcessaSP trazem informações sobre testes vocacionais, inclusive online, com auxílio de psicólogos e profissionais especializados em emprego e carreira; dicas sobre profissões e o mercado de trabalho; recomendações para quem quer continuar os estudos e precisa trabalhar; além de relacionar cursos livres e técnicos, todos gratuitos.

Clique aqui e conheça.

Categorias: Notícias

Robson Leandro

Trabalha na Escola do Futuro da USP desde julho de 2006. Até maio de 2013 esteve no projeto Acessa SP passando pela Rede de Projetos, Formação (Programa de Capacitação Continuada) e pela coordenação do projeto. De 2013 até 2014 coordenou o ecossistema web da coordenadoria de juventude do estado de São Paulo. Retornou ao projeto Acessa SP em abril de 2015.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *