O Acessa Campus Etec Parque da Juventude, implementado em parceria com o Centro Paula Souza e a Prodesp, foi o primeiro piloto do projeto de coworking público do governo do Estado de São Paulo. Os trabalhos escolhidos para ocupar esse espaço contemplam uma diversidade de assuntos, que vai do ensino de inglês para jovens da periferia a um projeto de lógica reversa, que recicla e transforma cadernos usados em novos, passando pela produção de semijoias com fio de látex, com impacto social nas comunidades do Pará que produzem fios de látex.

Os projetos em desenvolvimento reúnem dois públicos distintos: jovens estudantes da Etec e profissionais que querem empreender. “O fato de estar em uma Etec proporcionou a troca entre jovens e empreendedores, ampliando as oportunidades e horizontes dos jovens”, observa Guilherme Fernandes Silva, da Aliança Empreendedora, entidade que apoia empresas, organizações sociais e governos no desenvolvimento de modelos de negócios inclusivos e projetos de apoio a microempreendedores de baixa renda. A Aliança participa do piloto por intermédio da Fundação Telefônica, apoiadora do Acessa Campus Parque da Juventude.

Estudantes da Etec Parque da Juventude participam do projeto de coworking para empreendedores

Para Guilherme, essa troca permanente fez com que muitos jovens passassem a ver o empreendedorismo como opção futura. “Muitos projetos que eram apenas ideias para o TCC (Trabalho de Conclusão de Curso) estão sendo levados à frente pelos jovens”, conta.

Com a metodologia “trabalhe com o que você tem, com quem você conhece e faça o que você sabe”, a Aliança ajuda as pessoas que estão no Acessa Campus a acelerar o negócio. Uma das ações é a promoção de palestras para os participantes do projeto. Em uma dessas iniciativas, levou para o espaço o casal Aline Gutierrez e Alexandre Lima. O casal montou um restaurante mexicano na garagem da residência, no jardim Romano, periferia da Capital paulista.

 

Aline e Alexandre, que montaram o Restaurante Mexicano da Rua 7, compartilharam sua experiência com os jovens do Acessa Campus PJ

“Empreender é ir atrás de sua ideia e não desistir para não perder a chama do empreendedor”, ensinou Alexandre. “Se você tem uma ideia, pesquise tudo sobre aquele assunto”, recomendou Aline.


1 comentário

douglas the flash · 10/12/2018 às 14:52

Li numa revista a historia do #CasalAlineGutierrez&AlexandreLima q montou um #restaurantemexicano na #garagem da residência, no #jardimRomano, periferia da Capital paulista.
#DaHora #Parabens 🙂

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *